Enciclopédia Açores XXI
(ok)
(ok)
Linha 2: Linha 2:
   
 
Em [[1995]], a SATA Internacional inicia voos aéreos não-regulares, utilizando o Boeing 737/300 em voos charter para operadores turísticos nacionais e estrangeiros. Desde janeiro de [[2000]], os voos para os EUA (Bóston) e Canadá (Montereal e Toronto) passam a ser realizados pela SATA Internacional que opera nestas rotas com os Airbus A310-300. Em [[1999]], a SATA Internacional ganha o concurso para as ligações aérias de Ponta Delgada, para Lisboa e Porto, e ainda, para o Funchal. Em [[2002]], ganha mais uma vez o concurso para as rotas que já operava desde há 3 anos.
 
Em [[1995]], a SATA Internacional inicia voos aéreos não-regulares, utilizando o Boeing 737/300 em voos charter para operadores turísticos nacionais e estrangeiros. Desde janeiro de [[2000]], os voos para os EUA (Bóston) e Canadá (Montereal e Toronto) passam a ser realizados pela SATA Internacional que opera nestas rotas com os Airbus A310-300. Em [[1999]], a SATA Internacional ganha o concurso para as ligações aérias de Ponta Delgada, para Lisboa e Porto, e ainda, para o Funchal. Em [[2002]], ganha mais uma vez o concurso para as rotas que já operava desde há 3 anos.
  +
  +
Hoje mantém uma operação regular para destinos como Lisboa, Porto, Funchal, Frankfurt, Londres, Madrid, Amesterdão, Bóston e Toronto. Desenvolve ainda uma considerável atividade charter para outros destinos.
   
 
== Frota do Grupo SATA ==
 
== Frota do Grupo SATA ==

Revisão das 12h42min de 3 de dezembro de 2009

A SATA Internacional - Serviços e Transportes Aéreos SA, é uma companhia aérea açoriana subsidiária da SATA Air Açores, licenciada para operar voos no Exterior dos Açores. Resultou da aquisição e transformação da empresa de táxi aério "Oceanair", em 1994. A 19 de março de 1998, alterou-se a designação de "Oceanair" para SATA Internacional, obtendo o certificado de Operador Aéreo, a 17 de junho. O seu licenciamento e certificação foi efetuado segundo as exigências dos regulamentos da União Europeia (UE).

Em 1995, a SATA Internacional inicia voos aéreos não-regulares, utilizando o Boeing 737/300 em voos charter para operadores turísticos nacionais e estrangeiros. Desde janeiro de 2000, os voos para os EUA (Bóston) e Canadá (Montereal e Toronto) passam a ser realizados pela SATA Internacional que opera nestas rotas com os Airbus A310-300. Em 1999, a SATA Internacional ganha o concurso para as ligações aérias de Ponta Delgada, para Lisboa e Porto, e ainda, para o Funchal. Em 2002, ganha mais uma vez o concurso para as rotas que já operava desde há 3 anos.

Hoje mantém uma operação regular para destinos como Lisboa, Porto, Funchal, Frankfurt, Londres, Madrid, Amesterdão, Bóston e Toronto. Desenvolve ainda uma considerável atividade charter para outros destinos.

Frota do Grupo SATA

Em 2009, a frota de aviões da SATA Internacional é formada por:

  • 4 Airbus Industrie 320/200
  • 4 Airbus Industrie 310/300

Matriculas dos aviões

A310-304 - CS-TKM "Autonomia"

A310-304 - CS-TGU "Terceira"

A310-304 - CS-TGV "São Miguel"

A310-325 - CS-TKN "Macaronésia"

A320-214 - CS-TKL "São Jorge"

A320-212 - CS-TKJ "Pico"

A320-214 - CS-TKK "Corvo"

A320 - CS-TKO "Diáspora" (29 de maio de 2009)

Saiba Mais

Ligações Externas