FANDOM


Nordeste
Brasão de Nordeste Bandeira de Nordeste
Brasão Bandeira
Localização de {{{Município}}}
Localização
Gentílico:
nordestense
Área:
101,51 km²
Pop. Residente:
4 920 hab. (2011)
Densid. Populacional:
hab./km²
Eleitores Inscritos:
{{{eleitores}}} hab. (2011)
Número de Freguesias:
9
Fundação / Povoamento:
1514 / {{{povoamento}}}
Grupo:
{{{grupo}}}
Sub-grupo:
{{{sub-grupo}}}
Nome da Ilha:
Ilha de São Miguel
Ex-distrito:
{{{distrito}}}
Orago:
São Jorge
Feriado Municipal:
18 de julho
Código Postal:
9630
Endereço:
Sede Municipal:
Prç. República, 9630-179 Nordeste
Web Site:
www.cm-nordeste.pt
E-mail:
Correio Eletrónico
geral@cmnordeste.pt
Municípios dos Açores

O Nordeste é uma vila sede de um município do mesmo nome, o nordeste da Ilha de São Miguel. O município é delimitado a sul pelo município da Povoação e a oeste pelo município Ribeira Grande. Possui uma superfície de 101,51 Km2 e 4 920 habitantes (Censos 2011), subdividida em 9 freguesias. Seu gentílico é nordestense.

As atuais freguesias do município são:

Até julho de 2002, Algarvia, Santo António de Nordestinho e São Pedro de Nordestinho integravam uma freguesia maior, chamada de Nordestinho (21,03 Km2), entretanto extinta e desmembrada.

Geografia Editar

O nordeste da ilha desfruta de um relevo montanhoso bastante acidentado, com diversas lombas, recortado por desfiladeiros atravessados por ribeiras (do Guilherme). É bem conhecido pela sua vegetação endémica bem como pelos seus numerosos miradouros. Merece destaque a Serra da Tronqueira, o Planalto das Graminhais, o Pico Bartolomeu (887 m), Ponta da Madrugada, Ponta do Arnel. Agrupa uma grande quantidade de vegetação endémica e típica da Macaronésia, assim como todo um conjunto de flora rara e de grande valor. É a região mais antiga da ilha, com uma idade de 4,1 milhões de anos. As erupções vulcânicas pouco explosivas, essencialmente de natureza basáltica, originaram a formação de cones de escórias, atualmente muito degradados por ação da erosão, e de abundantes campos de escoadas lávicas. As elevações de maior altitude são o Pico Redondo (980 m), o Pico Verde (927 m), o Pico Bartolomeu (887 m) e o Pico da Vara (1103 m), este último o ponto mais alto da Ilha de São Miguel.

Sua História Editar

O lugar do Nordeste fica numa lomba, antigamente chamada de Salvador Afonso, junto a um pequeno porto de pesca numa calheta bastante desabrigada. Foi elevada a vila e sede municipal por D. Manuel I em 18 de julho de 1514. Toda a região sofreu com violento sismo de 1522, inclusive a primitiva Igreja de São Jorge (Matriz). Em 1563, uma erupção vulcânica matou gado e destruiu campos agrícolas.

Foi na Achadinha, o local de desembarque das tropas fieis ao infante D. Pedro vindas da Ilha Terceira, no assalto final contra o último reduto tropas miguelista nos Açores. Tal facto aconteceu no dia 1 de agosto de 1831. Ao que consta a população da freguesia recebeu mal as tropas liberais.

Monumentos e museus Editar

A Igreja de São Jorge (Matriz) é o mais importante e belo templo nordestino. Foi edificada no século XV, mas sofreu danos e várias obras de restauro, quer por necessidade de ampliações quer por catástrofes naturais, como foi no caso do Sismo de 1522. A sua última modificação ocorreu no ano de 1976. Possui uma fachada interessante, retábulo do altar-mor airoso, talha dourada em fundo branco, realce para a alternância de cor do basalto nas pilastras das três naves. Contém imagens religiosas do extinto Convento de São Francisco.

O edifício da Câmara Municipal é a mais importante obra do município em termos de arquitetura civil do século XIX. Foi edificado no local onde existia a antiga "Casa da Câmara". A sua construção foi terminada em 1877, devido à tenacidade e ao empenho do nordestense, António Alves de Oliveira. A Ponte de Sete Arcos, edificada em 1883, apresenta traços românicos e uma das mais belas e grandiosas da ilha.

O Museu do Nordeste, inaugurado em 1989, com uma interessante coleção etnográfica de peças e alfaias agrícolas, de trajes e cerâmica antiga. Pode ver ainda o Parque florestal do Poceirão e a Casa do Trabalho de Nordeste, local de venda de artesanato e escola de ofícios tradicionais, nomeadamente bordados e tecelagem. Têm ainda o Parque florestal da Cancela do Cinzeiro, na Lomba da Pedreira. Nele, funciona o Centro de interpretação ambiental do Priolo, sobre o priolo (Pyrrhula murina) e o seu habitat - a floresta Laurissilva. O priolo é uma ave endémica da ilha atualmente em perigo de extinção.

Festividades, tradições e curiosidades Editar

Saiba Mais Editar

Ligações Externas Editar